terça-feira, 8 de junho de 2010

Mas que Coisa Preta é essa?

Tá a mãe com o bebeco no colo. Não conheço UMA que não aproveite a deixa pra futucar o pobre, conferir dente, procurar pulga, catucar barriga... e olhar a orelha.

Pronto. Tá lá aquela sujeirinha preta. A vizinha da amiga da colega do trabalho da manicure diz que é sujeirinha normal. Só que não é.

É sarna, mesmo. E não tou chamando ninguém de porco não. Isso acontece, especialmente com a rapaziada que se amarra num quintal ou jardim. Aí a pobre da mãe dá de cara com aquele ouvido com caca marrom escura ou preta, que vem da reação do próprio canal auditivo aos ácaros. Que alegria! Se é do tipo relax, acha que a vizinha da amiga está certa. Se é písica, liga pro vet aos prantos achando que o filho já tá surdo. Calma, meninas, calma...

Como é um tipo de sarna de ouvido, não aparece no resto do corpo, nem passa pra seres humanos, porque a sarna otodécica (que nome mais feio) é exclusiva dos animais e entre eles é contagiosa. Se um apareceu perebento, todos precisam ser tratados, com o parasiticida que o vet mandar passar, além daquela lavagem do Bonfim básica pela casa: tem que desinfetar tudo.

Não deêm bobeira, porque aquele coçadão clássico de orelha mais animado, se somado à cera e sarna acaba levando à otite, que dói pra chuchu. É levar seu pequeno ao vet e ficar sempre de olho, mantendo a orelha limpa. É fácil de fazer: segundo a doutora dos meus, é colocar no algodão soro e um pouco de álcool e aí mandar brasa na parte externa. Nada de enfiar cotonete nem algodão no canal, hein, mãezarada tarada do meu Brasil e Portugal?

Fiote de orelha limpa é fiote feliz! =^.^=

5 comentários:

Rita P. disse...

Os gatinhos que têm passado pela minha casa como FAT (familia de acolhimento temporário)antes de serem dados para adopção, quando vindos da rua, têm tido as orelhas assim (além de parasitas internos, coriza, pulgas, tudo!)e tenho usado algodão embebido em Otoclean (recomendado pela vet), mas tenho limpo também a nível mais interno. Vou passar a ter mais atenção! Já aprendi mais qualquer coisa aqui!
Cá designamos é por ácaros dos ouvidos (deve ter outro termo mais, cientifico, mas pronto).

^.^ Ana Clara ^.^ disse...

ÔÔÔÔ dó que dá, né!?
Todo cuidado com ele é pouco.

Ms. Anabela disse...

OLá, Rita! - sempre que falo contigo lembro da minha amiguita Rita, que ficou aí em PT. Vc tem alguma história de FAT que tenha te marcado, pra gente postar aqui?
Beijinhos!

Ana Clara, sempre todo cuidado é pouco, menina. E se te chamarem de paranóica, diz que paranóica é a....

bem, deixa pra lá. :-P

Marina Vianna disse...

Oii, uma amiga minha descobriu que está com sarna e que o gatinho que ela adotou foi quem passou, porém ele não apresenta nenhum sintoma típico de sarna. Vocês sabem quais são os primeiros sintomas? Eu adotei uma gatinha há um mês até agora não vi nenhum sintoma, mas tenho medo, pois tenho outras 2 cachorrinhas em casa.

Anna disse...

Marina, nunca peguei nada das crianças aqui não. Pra não dizer nunca, uma vez fiquei meio "pulguenta"... mas só.