domingo, 13 de março de 2011

Não à Gol!

A Mila, mãe assídua dessa pracinha, leu essa notícia e escreveu sobre a dita cuja, lógico. Pasmei, porque nunca tinha ouvido falar de sumiços desses. Jamais levaria meus filhos em compartimento de carga em aviões, mas como nesse Brasil xexelento não tem trem e as estradas são uma bosta, ficamos cada vez mais sem opção...

Mas uma vez os anéis idos, vamos ao resgate. Segue um post super interessante de como agir nessas desgraças, escrito por uma senhora que foi Cmra.Varig durante 25 anos. Vamos a ele:

A lógica é a pessoa partir do começo, pedindo restauração por perdas e danos, com as devidas alegações e apresentando a cópia do RGA - Registro de Guia Animal - bem como toda a papelada do transporte oferecido pela Gol, a empresa em questão.

A pessoa que foi lesada tem que fazer o BO (Boletim de Ocorrência) da situação e levar isto à frente, pois só assim a empresa se mobilizará. Não se pode ficar impávida sem ir até a referida empresa e não pode deixar de apresentar a papelada para oficializar tal resgate. 

O Pinpoo provavelmente está em algum galpão de Cargas sendo alimentado dentro da própria Caixa de transporte,  até acharem o dono reclamante.


Agora, independente disso, eu acho que a gente, como MdFs, TEMOS QUE nos mobilizar e boicoitar a Gol até acharem o Pinpoo. Não só fazer o boicote individualmente, mas pedirmos pra outros nos acompanharem nessa onda, não só familiares, mas amigos e leitores.  Fiz um botão, mas coisa meio tosca. Quem quiser, pode pegar e pôr no seu blog, facebook, site, o que for!

D. Nair e família, o MdF está solidário e ativo! Boa sorte! Mães que moram na área, olho vivo! Mães de todo mundo, repassem, compartilhem, ajudem, pressionem!

4 comentários:

MC disse...

Costumo viajar de avião com meus dois gatinhos, mas a cada dia que passa, evito mais e mais essa prática. Não gosto de viajar com eles pela Gol porque não posso levar pelo menos um deles comigo na cabine. Prefiro a TAM que me deixa embarcar com minha filhota. E mesmo com as afirmações dos atendentes quanto à segurança do transporte, nunca deixo de avisar ao pessoal na porta do avião que es~tou embarcando com outro gato no porão e assim que desembarco, procuro o pessoal de terra para pedir para agilizar o desembarque do meu bichano. É muito estressante para mim e mais ainda para eles.

ReCriando disse...

Eu estou chocada com essa história e torcendo para que ele seja encontrado logo. Apóio totalmente essa campanha de boicote e já estou divulgando o selo.
Beijos!

Ms. Anabela disse...

Vamos divulgar o selo e conversar com quem ainda viaja Gol. Não pode deixar barato não!

A Air France deixa viajar com DOIS felinos. A Air Canadá idem. Fala sério, a Gol pensa que é o quê??

Helane disse...

Gente, o Pinpoo foi encontrado! Segue o link: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2011/03/cao-que-desapareceu-em-aeroporto-no-rs-e-encontrado-diz-dona.html

Mas continuemos de olho nas empresas que não facilitam o bem estar animal.

Bjos meninas